Cantores Nordestinos: conheça os grandes nomes e suas histórias

Posted by Deezer | dezembro 22, 2021 | Música
cantores nordestinos elba ramalho
cantores nordestinos elba ramalho
Imagem: Zé Carlos Barretta

Os cantores nordestinos são um verdadeiro patrimônio nacional. Sua contribuição para a história da música brasileira se dá em diferentes esferas, desde o rock até o forró e a MPB.

Por isso, hoje eu vou trazer uma lista com alguns dos maiores cantores nordestinos, seus sucessos e contar um pouquinho da carreira de cada um deles.

Já aviso aqui que não vou ter espaço para citar todo mundo, mas prometo fazer o meu melhor para trazer pelo menos os mais importantes.

Bora dar o play nessa playlist?

PRIMEIRO MÊS GRÁTIS? É #SÓNADEEZER!

Cantores nordestinos antigos: os nomes que marcaram época

Confira a seguir uma lista com cantores nordestinos antigos:

Luiz Gonzaga

Luiz Gonzaga é o eterno Rei do Baião. Nascido em Recife, no Pernambuco, o pai do forró no Brasil foi essencial para que o ritmo genuinamente nordestino ganhasse o país a partir da década de 1950.

Ele se apaixonou pela música ainda cedo, por influência de seu pai que, apesar de trabalhar na roça, também arranhava no acordeon e fazia a manutenção desses instrumentos.

Depois do lançamento da música “Forró de Mané Vito”, em 1949, o ritmo começou a se tornar extremamente popular em todo o Brasil.

Além disso, Luiz Gonzaga tem um importância fundamental para a MPB, já que foi um dos responsáveis por fazer a sanfona, ou acordeon, cair no gosto popular. Se não fosse ele, provavelmente a música como conhecemos hoje seria bem diferente.

Nascido em Recife, Gonzagão teve uma carreira ilustre compondo e cantando sobre a realidade, as belezas, tristezas, injustiças, alegrias e o cotidiano bucólico do sertão nordestino.

Graças a Luiz Gonzaga e tantos outros, o forró conquistou todas as regiões do país e hoje está dominando o cenário musical com o subgênero da pisadinha.

Portanto, aproveite essa oportunidade e conheça mais da carreira de Luiz Gonzaga no player que eu vou colocar abaixo.

Eu dou destaque aqui para as canções “Asa Branca”, “A Vida do Viajante” e “Xote das Meninas”.

Dominguinhos

Outro artista nordestino muito importante e que marcou época foi Dominguinhos, que, por sinal, foi um dos discípulos de Luiz Gonzaga.

Além do seu talento e da sua paixão pela música, outra similaridade entre os dois artistas é que eles têm um começo de carreira bastante parecido.

Assim como Gonzagão, Dominguinhos também teve a sua inspiração na música em seu pai, mestre Chicão, que era um sanfoneiro e afinador de sanfonas.

Os caminhos de Luiz Gonzaga e Dominguinhos se cruzaram várias vezes, mas a primeira e mais importante delas foi quando Dominguinhos estava se apresentando em um hotel no qual o Rei do Baião estava hospedado.

Ao ver o talento nítido de Dominguinhos para o acordeon, que até então era conhecido como Neném do Acordeon, Luiz Gonzaga não só ajudou o artista em sua carreira como foi responsável pelo seu “batismo” como Dominguinhos, um nome que foi sugerido em homenagem a Domingos Ambrósio.

Entre 1957 e 1058, Dominguinhos entrou para a primeira formação do grupo Trio Nordestino, ao lado de nomes como Miudinho e Zito Borborema, que também seguiram carreira ao lado de Gonzação por um tempo.

Dê o play em algumas das melhores canções do Dominguinhos. A minha sugestão é que você não deixe de ouvir “Lamento Sertanejo”, “Eu Só Quero Um Xodó” e “Lisbela”.

Jackson do Pandeiro

Jackson do Pandeiro nasceu em Alagoa Grande, na Paraíba, e está entre os cantores nordestinos mais célebres e que contribuíram muito para o crescimento, fortalecimento e consolidação do forró no cenário musical brasileiro.

Contudo, ele foi um artista que transitou em diversos gêneros musicais brasileiros, como o forró, baião, samba, arrasta pés e até marchinhas de carnaval. Por esse motivo, ganhou o apelido de Rei do Ritmo, afinal, conseguia transitar entre todos eles.

Ao longo dos seus 40 anos de carreira, Jackson do Pandeiro lançou diversos discos, sendo que a sua estréia aconteceu com o álbum Forró em Limoeiro, em 1953.

Confira alguns dos sucessos de Jackson do Pandeiro. Eu sugiro que você não deixe de ouvir as canções “Capoeira Mata Um”, “A Ordem é o Samba”, “O Canto da Ema”, “Sina de Cigarra” e “Secretária do Diabo”.

Cantores nordestinos: da MPB e samba ao rock e POP

Quem acha que a música nordestina se restringe ao forró e ao axé está muito equivocado. A região já revelou artistas de diversos gêneros musicais que vão desde a MPB até o Rock e o Pop. Por isso, confira uma lista com alguns artistas nordestinos dos mais diferentes gêneros:

Alcione

Muita gente não sabe, mas a Alcione é uma cantora nordestina! Natural de São Luís, no Maranhão, Alcione é uma das sambistas mais notórias do país, sendo que recebeu a alcunha de Rainha do Samba e Rainha do Brasil.

Ela começou na música graças à influência do seu pai, que era policial e integrante da banda de sua corporação, o que fez com ela começasse muito cedo, fazendo a sua primeira apresentação com apenas 12 anos de idade.

Além de excelente cantora, Alcione também é uma mestre em diversos instrumentos de sopro, como o trompete e o clarinete.

Desde que começou a sua carreira, ela se consolidou na música brasileira como uma das maiores vozes do país e é adorada e idolatrada até hoje.

Ouça alguns dos maiores sucessos de Alcione no meu app. Eu deixo o destaque aqui para as canções “Você me Vira a Cabeça (Me Tira do Sério)”, “Não Deixe o Samba Morrer”, “Estranha Loucura”, “A Loba” e “O Que eu Faço Amanhã”.

Elba Ramalho

Já Elba Ramalho começou a sua carreira em 1966, quando cantou pela primeira vez no Coral da Fundação Artística e Cultural Manuel Bandeira.

Os coros falados feitos por esse coral começaram a ganhar muita fama na região e o grupo chegava a fazer turnês pelo nordeste, sendo que Elba era um dos maiores destaques.

Em 1968, enquanto cursava economia, Elba montou o grupo As Brasas, onde atuou como baterista. Mas isso não iria durar por muito tempo, pois alguns anos depois, a pedido de Roberto Santana (produtor de Chico Buarque a Caetano Veloso), Elba começou a sua carreira como cantora solo.

Em 1979, ela gravou o seu primeiro disco, Ave Prata, e a partir daí a sua carreira decolou, abrindo portas para que ela fizesse participações com diversos músicos renomados, como Dominguinhos, Zé Ramalho, Sivuca e Jackson do Pandeiro.

Escute alguns dos maiores sucessos de Elba Ramalho no meu app. Sugiro que você dê uma preferência especial para as canções “Sonho Meu”, “Sabiá”, “Táxi Lunar”, “Ciranda da Rosa Vermelha” e “Chorando e Cantando”.

Chico César

Chico César nasceu em em Catolé do Rocha, na Paraíba, em 1964. Ele sempre foi muito criativo, inovador e independente, sendo que com 16 anos se mudou para João Pessoa, onde se formou em jornalismo pela Universidade Federal da Paraíba.

Na época da faculdade, ele entrou para o grupo musical Jaguaribe Carne, conhecido por fundir elementos estéticos da música experimental e da performance.

Ele se formou no auge da ditadura civil-militar no Brasil e se mudou para São Paulo, onde trabalhou como jornalista e depois como revisor de textos para editora Abril.

Ao mesmo tempo em que desenvolvia a sua carreira na escrita, ele treinava violão e, em 1991, depois de fazer uma turnê na Alemanha, decidiu entrar de cabeça na música.

A partir daí, ele montou a banda Cusvuz Clã e começou a se apresentar na casa noturna paulistana Blen Blen Club.

Sua estréia na música aconteceu em 1995, quando lançou o disco “Aos Vivos”, onde ficou nacional e internacionalmente pela música “Mama África”.

Confira algumas das melhores canções do Chico César. Deixo meu destaque aqui para “A Primeira Vista” e “Abaeté, Abaiacu e Namorado”.

Alceu Valença

cantores nordestinos alceu valença

Alceu Valença também é um dos maiores compositores e cantores nordestinos. Nutral de São Bento do Una, no Pernambuco, ele é um dos maiores destaques da segunda fase do forró, que começou na década de 1970.

Sua carreira é marcada por misturar elementos do forró tradicional com o pop e o rock, assim como faziam Elba Ramalho, Zé Ramalho, Nando Cordel e Geraldo Azevedo.

Dê o play em algumas das maiores músicas de Alceu Valença no meu app. Dentre as principais que eu não posso deixar de destacar aqui ficam “La Belle de Jour”, “Girassol”, “Coração Bobo” e “Andar, Andar”.

Raul Seixas

Raul Seixas, por sua vez, é um dos maiores representantes do rock nacional no Brasil. Natural de Salvador, na Bahia, o cantor possui alguns dos maiores clássicos do rock brasileiro, como “Tente Outra Vez”, “Gita”, “Metamorfose Ambulante”, “Ouro de Tolo” e tantos outros.

O “Maluco Beleza” é considerado um dos pais do rock brasileiro, mas sua maior ambição no começo da carreira era ser um escritor, como Jorge Amado, o seu grande ídolo.

Entretanto, na década de 1970, ele começou a se destacar muito na música, com letras que misturavam filosofia, esoterismo e mensagens políticas a um rock que incorporava elementos do forró e da música nordestina.

É com Raul Seixas que temos uma das maiores parcerias da história. O cantor escreveu diversas músicas com Paulo Coelho, que é o autor brasileiro mais vendido no mundo.

Juntos, eles escreveram clássicos da carreira do cantor, como “Eu Nasci Há 10 Mil Anos Atrás”, “Sociedade Alternativa”, “Medo da Chuva” e “Al-Capone”.

No meu app você escuta as maiores canções do Raulzito. Para fugir um pouco do óbvio, eu vou deixar o meu destaque aqui para a música “As Minas do Rei Salomão”.

Pitty

pitty cantores nordestinos

E já que estamos falando do rock nordestino, não podemos deixar de falar também da cantora Pitty! Ela com certeza é uma das maiores cantoras nordestinas das últimas décadas.

Ela canta desde os 17 anos de idade, mas sua carreira profissional só começou em 1997, quando atuou como baterista na banda de punk rock Shes. 

Em 1998, formou uma banda de hardcore e se tornou bastante popular no underground baiano. Entretanto, foi só em 2002, depois de receber um convite do produtor Rafael Ramos, que ela produziu o seu primeiro hit solo, a canção “Máscara”.

Desde então, ela lançou diversos álbuns e se consolidou como um dos maiores nomes do rock nacional, sendo até amadrinhada pela Rita Lee!

Ouça algumas das melhores canções da Pitty na Deezer Eu não posso deixar de dar destaque para “Me Adora”, “Admirável Chip Novo” e o clássico “Na Sua Estante”.

Ouça seus cantores nordestinos favoritos na Deezer

Como você viu, o número de cantores nordestinos talentosos e importantes para a música brasileira é quase infindável.

Eu sei, muita gente acabou ficando de fora, mas eu prometo atualizar esse texto aqui no futuro para incluir nomes como Gilberto Gil, Belchior, Ivete Sangalo, Caetano Veloso, Juliette, Moraes Moreira e quem mais vocês indicarem que ficou faltando.

Por isso, não deixem de me contatar nas redes sociais e lembrem-se: o melhor lugar para ouvir os seus cantores nordestinos favoritos é no meu aplicativo, pois, além de ter a melhor qualidade de áudio do mercado, eu também conto com uma série de playlists feitas com uma curadoria especializada.

Por isso, confira os planos disponíveis na minha plataforma e escolha aquele que mais se encaixa no seu perfil para ouvir os seus cantores nordestinos favoritos sem anúncios! Valeu pela leitura, pessoal!

PRIMEIRO MÊS GRÁTIS? É #SÓNADEEZER!

Related Posts

Posted by deezer | 29 novembro 2022
Muitos de nós gostamos de apreciar uma boa música, mas há muito mais neste universo do que se encontra no...
Posted by deezer | 28 novembro 2022
Antes de mais nada, saiba que neste texto eu tomei a licença poética de chamar o Livro dos Recordes de...
Posted by deezer | 25 novembro 2022
Que tal relembrar clássicos e curtir os melhores musicais de todos os tempos? Nos palcos do teatro ou nas telinhas...