Setembro Amarelo: a importância da campanha de prevenção

Posted by gsoutello | outubro 29, 2021 | Música
setembro amarelo

O Setembro Amarelo é uma campanha internacional de conscientização sobre a prevenção ao suicídio. Trata-se de um mês onde se debatem questões de saúde mental e a importância de se reconhecer sinais de comportamento depressivo e suicida.

Setembro foi o mês escolhido porque desde 2003 o dia 10 de Setembro é o Dia Mundial da Prevenção ao Suicídio.

É para trazer um pouco de reflexão sobre essa data tão importante que hoje eu fiz esse texto, onde vou te mostrar tudo sobre a data e ainda te indicar alguns podcasts e playlists para refletir sobre a importância do Setembro Amarelo. Boa leitura!

#SÓNADEEZER: Curta uma seleção das suas faixas favoritas + novidades que você vai amar, com o Flow

Setembro Amarelo: como surgiu?

No Brasil, o Setembro Amarelo surgiu como uma iniciativa de órgãos de combate ao suicídio, como Centro de Valorização da Vida (CVV), pelo Conselho Federal de Medicina (CFM) e pela Associação Brasileira de Psiquiatria (ABP).

Trata-se de uma campanha nos moldes do Outubro Rosa, que tem como objetivo combater o câncer de mama, só que, no caso, visa informar, debater e conscientizar as pessoas a respeito do suicídio, da depressão e outras condições mentais.

Segundo a Associação Catarinense de Psiquiatria, a cor da campanha é o amarelo por conta da história de um jovem norte-americano chamado Mike Emme, que tirou a sua própria vida em 1986 em seu Mustang Amarelo.

Os amigos e familiares de Emme distribuíram cartões com fitas amarelas e mensagens de apoio para as pessoas que estivessem enfrentando o mesmo e a mensagem foi se espalhando pelo planeta, até ficar conhecida mundialmente.

Qual a importância do Setembro Amarelo?

Setembro amarelo importância

Como vimos no tópico anterior, o Setembro Amarelo é um mês inteiro dedicado à conscientização à respeito do suicídio e outras doenças mentais.

O suicídio é um problema causado por vários fatores, como fatores genéticos, psicológicos, sociais e culturais, muitas vezes combinados com experiências de perdas e traumas.

É muito importante que o conhecimento a respeito dos sinais e dos fatores de risco chegue a mais pessoas, pois, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), é possível evitar o suicídio ao se mobilizar para implementar políticas eficientes e estratégias de prevenção.

Por isso, a campanha do Setembro Amarelo deve envolver escolas, universidades, entidades do setor público e privado e a sociedade em geral.

Quais são os sinais de alerta e como ajudar?

A pessoa que está passando por uma crise suicida pode apresentar diversos sinais, como confessar se sentir sem esperanças, culpadas, apresentar falta de produtividade, descuido com a aparência e isolamento da família e amigos.

Além disso, também existem algumas falas comuns que podem ter intenções suicidas. Algumas dessas frases comuns são:

  • “Quero desaparecer”
  • “Vou desaparecer”
  • “Vou deixar vocês em paz”
  • “Eu sou um peso para os outros”
  • “Eu preferia estar morto”

Caso você identifique esses sinais em algum conhecido, amigo ou familiar, é importante que você incentive essa pessoa a procurar ajuda especializada de um psicólogo ou psiquiatra.

Em casos de risco imediato, é importante não deixar a pessoa sozinha e entrar em contato com serviços de emergência. Confira alguns lugares onde você pode buscar ajuda:

  • CAPS e Unidades Básicas de Saúde (Saúde da Família, Postos e Centros de Saúde);
  • UPA 24H, SAMU 192, Pronto Socorro e Hospitais;
  • Centro de Valorização da Vida (CVV), no número 188. A ligação é gratuita.

Como a música pode impactar positivamente no tratamento da depressão

Eu já falei aqui no blog algumas vezes sobre os impactos positivos de ouvir música na saúde mental e física de maneira geral.

Em uma postagem sobre o Setembro Amarelo, isso não poderia ser diferente. Por isso, vou te mostrar a seguir como a música pode ajudar no tratamento da depressão.

Mas antes, é bom lembrar que a música por si só não é um tratamento para depressão.

O que as pesquisas mostram, é que ela pode auxiliar em uma melhora da qualidade de vida, trazer mais ânimo e aumentar a sensação de bem-estar.

Se você acha que está sofrendo de depressão ou está com pensamentos suicidas, é importante que você busque ajuda profissional.

Marque uma consulta com um psicólogo ou psiquiatra ou, se necessário, entre em contato com o Centro de Valorização da Vida (CVV).

Esses profissionais e essa entidade vão te ajudar a melhorar, tirar tudo do peito e encontrar uma saída, pois depressão e outras condições mentais têm cura e tratamento.

Agora que os avisos estão dados, vamos aos efeitos positivos da música no tratamento da depressão:

A música pode amenizar os sintomas da depressão

Antes de entender como a música pode ajudar a amenizar os sintomas da depressão, precisamos entender um conceito da psicologia chamado de “afeto positivo”.

O afeto é a disposição que temos por alguma coisa, seja ela positiva ou negativa. É a partir do afeto que nós demonstramos as nossas emoções e sentimentos.

A música, por sua vez, pode agir em nosso cérebro como um afeto positivo, isto é, ao nos relacionarmos com a música, ela pode trazer sentimentos positivos e de alívio.

Isso porque ela ajuda a liberar diversos hormônios que ajudam a aliviar o estresse, como a dopamina e a serotonina, só pra dar alguns exemplos.

Esses hormônios, além de aliviar o estresse, também são muito úteis no alívio da ansiedade, um sintoma muito comum em pessoas com depressão e outras condições psiquiátricas.

Até hoje, a ciência ainda não entende todos os mecanismos através dos quais a música pode ajudar a melhorar os sintomas da depressão, entretanto, já existe um consenso de que ela tem um potencial terapêutico e pode auxiliar em uma melhora na qualidade de vida.

Ajuda no relaxamento e alívio do estresse

Como vimos, a música age em nosso cérebro como um afeto positivo. Ou seja, geralmente nós nos relacionamos com a música de uma maneira positiva, fazendo com que o nosso cérebro libere os hormônios que citei no tópico anterior.

Isso nos ajuda a relaxar, extravasar aquela tensão do dia a dia e acaba nos deixando mais felizes.

Pode ser um incentivo para o exercício físico

Se exercitar faz bem para a saúde física e mental, pois o exercício físico também ajuda a liberar hormônios do bem-estar que são importantes para a saúde mental.

A relação da música com os exercícios físicos é tão forte e tem um impacto tão grande que ela é proibida em maratonas profissionais, pois ela é considerada uma vantagem competitiva para quem a está escutando enquanto corre, já que dá ânimo e ajuda a manter o ritmo.

Leia mais sobre os benefícios da música para treinar neste outro texto especial que eu fiz sobre o assunto:

Outros benefícios da música para a saúde

Além de todos esses benefícios já citados, a música também pode ajudar na hora de se concentrar, ou seja, pode ser uma aliada durante as horas de trabalho e estudo.

Outro benefício interessante da música é a sua relação com a memória. A música ativa algumas regiões do cérebro responsáveis tanto pela memória quanto pelo controle motor.

Por isso, ela tem sido relacionada como uma ótimo tratamento complementar para pacientes que sofrem de Alzheimer e outras doenças neurodegenerativas, aumentando a qualidade de vida desses pacientes de maneira geral.

Confira 3 podcasts que abordam a importância do Setembro Amarelo

setembro amarelo podcasts

Agora que eu já te contei mais sobre o Setembro Amarelo e alguns dos benefícios da música para a saúde mental e física, é hora de eu te mostrar alguns dos podcasts sobre essa data disponíveis no meu aplicativo. Confira:

Setembro Amarelo: como ajudar alguém com pensamentos suicidas – Ao Ponto Podcast

O podcast Ao Ponto, do jornal O Globo, é um programa diário que aborda os principais temas do Brasil e do mundo, para que você fique por dentro de tudo que está acontecendo.

No episódio “Setembro Amarelo: como ajudar alguém com pensamentos suicidas”, os apresentadores trazem uma discussão sobre a data e mais informações sobre como reconhecer os sinais e ajudar uma pessoa em necessidade.

Confira o episódio sobre Setembro Amarelo do podcast Ao Ponto no player abaixo:

Setembro Amarelo – Podcast Psicocast

O Psicocast, por sua vez, é um podcast que busca trazer mais informações e discussões sobre saúde mental.

No episódio especial sobre Setembro Amarelo, os apresentadores trazem diversas informações de prevenção e os mitos e verdades a respeito do suicídio.

Confira o episódio de Setembro Amarelo do Psicocast no player abaixo:

Setembro Amarelo – Jornal da CBN Podcast

O Jornal da CBN é um podcast de notícias que traz análises dos principais acontecimentos e assuntos do dia, com apresentação da dupla Mílton Jung e Cássia Godoy e comentaristas, como Carlos Alberto Sardenberg, Mário Sérgio Cortella, Mauro Halfeld e Mírian Leitão.

No episódio especial de Setembro Amarelo, o comentarista Luis Fernando Correia fala sobre a importância da prevenção ao suicídio e traz dados sobre como essa questão vem preocupando os sistemas de saúde no Brasil e no mundo.

Confira o episódio especial de Setembro amarelo do Jornal de CBN no player abaixo:

Playlists para o Setembro Amarelo

Confira agora algumas playlists disponíveis na minha plataforma para refletir sobre o setembro amarelo e cuidar da saúde mental:

Playlist SEtembro Amarelo

A Playlist Setembro Amarelo traz algumas músicas que servem para espalhar o amor e ajudar a melhorar o humor naqueles dias mais tristes.

Nela, você vai encontrar artistas como Vanessa da Mata, BaianaSystem, Cássia Eller, Rita Lee, Secos e Molhados, Geraldo Azevedo, Vanguart e muitos outros.

Confira a playlist Setembro Amarelo no player abaixo:

Playlist Yoga Matinal

Já a playlist Yoga Matinal é uma playlist feita pelo Romar, que é Editor no meu site e cuida de várias outras playlists, como a Radar Brasilidades, Hinos do Arco-Íris e Pagodelícia.

Confira a playlist Yoga matinal no player abaixo:

Músicas para o Setembro Amarelo

setembro amarelo músicas

Além da playlist que eu indiquei acima, também acho que é legal que eu traga algumas músicas que falam sobre as questões que envolvem o Setembro Amarelo. Confira:

Setembro Amarelo – Thiagão

A faixa “Setembro Amarelo” do Thiagão é uma canção poderosa, que fala sobre os desafios da vida moderna e a importância do Setembro Amarelo como forma de prevenção do suicídio. Confira:

AmarElo – Emicida, Majur e Pabllo Vittar

No single AmarElo, o Emicida traz um sample da canção “Sujeito de Sorte” de Belchior, e se une à Majur e à Pabllo Vittar para compor uma das músicas mais bonitas dos últimos anos.

O Emicida me contou no Faixa a Faixa que essa é uma das músicas mais especiais do seu último álbum, que tem o mesmo nome da faixa.

“As nossas dores, sim, elas existem. A gente precisa reconhecer que elas existem, mas a gente não pode estar acorrentado a elas, principalmente se elas começam a se transformar nas protagonistas da nossa existência”, ele diz.

Confira AmarElo do Emicida, Majur e Pabllo Vittar no player abaixo:

Se te faltam palavras, “diz com Deezer”

A melhor forma de expressar aquilo que não conseguimos através das palavras é através da música, pois ela diz o “indizível”, expressa o inexpressável e é capaz de nos ajudar nos momentos mais difíceis.

Por isso, mostre o seu amor e o seu apoio para as pessoas que você gosta através das músicas disponíveis na minha plataforma.

R$1,80 NOS DOIS PRIMEIROS MESES? É #SÓNADEEZER!

Related Posts

trilha sonora de filmes
Posted by deezer | 26 novembro 2021
A trilha sonora de filmes é uma parte essencial de qualquer longa, porque a música ajuda a trazer ainda mais...
mc hariel
Posted by deezer | 24 novembro 2021
O MC Hariel realmente é uma “haridade” no mundo da música. Com apenas 23 anos, o cantor já é um...
fernandinho
Posted by deezer | 23 novembro 2021
O Fernandinho com certeza é um dos nomes mais importantes da música cristã contemporânea e as suas músicas têm tocado...