Trap: saiba o que é, os principais nomes da cena e os hits

Posted by Deezer | dezembro 1, 2021 | Música
trap
trap

Apesar de ter sido criado no começo dos anos 2000, nos Estados Unidos, foi apenas nos últimos anos que o trap realmente explodiu no Brasil e caiu no gosto e nas playlists dos brasileiros.

Inclusive, você também já deve ter ouvido esse estilo musical em algum lugar, mas pode ser que não tenha associado a música ao nome. Isso porque, como o trap é um subgênero do rap, é muito comum confundi-los.

No entanto, para esclarecer essas e outras confusões, eu resolvi preparar este conteúdo. Aqui, além de aprender a diferenciar o trap do rap, você conhecerá os maiores sucessos e artistas desse gênero.

Assim, na hora que você estiver com os seus amigos escutando uma playlist que tenha músicas do trap, vai poder tirar muita onda e mostrar todo o seu conhecimento cultural e musical.   

E então, vamos nessa?

R $ 1,80 NOS DOIS PRIMEIROS MESES? É # SÓNADEEZER

O que é Trap?

Como eu coComici a te contar, o trap é um subgênero do rap. Não por acaso, suas letras também são acompanhadas de rimas carregadas e retratam realidades sociais, como a violência, desigualdade, criminalidade, consumo de drogas, sexo, racismo, entre outros.

Em sua produção, são utilizados diversos elementos, como sintetizadores da música eletrônica, onomatopeias, batidas bem marcadas, timbres mais melódicos e graves robustos. Esse arranjo, inclusive, torna as músicas super dançantes.

Além disso, o trap pode ser criado facilmente em aplicativos disponibilizados para computadores e dispositivos móveis. Afinal, esses meios favorecem a criação de camadas múltiplas de sons e a distorção de voz, características essas muito comuns desse estilo. 

Como o Trap surgiu?

A palavra “Trap” pode ser traduzida para o português como “armadilha”. No entanto, o termo também é utilizado em Atlanta, cidade no sul dos Estados Unidos, para designar as casas onde os traficantes produzem e vendem drogas.

E foi lá, em Atlanta, no início dos anos 2000, que o gênero musical trap surgiu. Por isso mesmo, em razão desse contexto, que as letras das músicas falam sobre situações vivenciadas nas regiões periféricas, as quais eu mencionei anteriormente.

Assim, no início do século, DJ Paul foi um dos primeiros artistas a dar forma ao que hoje conhecemos como trap, com arranjos eletrônicos e outros elementos.

Já no Brasil, o trap só chegou na última década. Inclusive, há uma pequena e saudável disputa sobre a verdadeira origem do gênero no país: se em Guarulhos (SP) ou em Vitória (ES).

De um lado, temos Naio Rezende, que alega que a festa Red Room, evento que produziu em 2014, em Vitória, apresentou o trap para o Brasil.

Do outro, temos Raffa Moreira, um dos maiores trappers brasileiros, que lançou, em Guarulhos, a música “Fiat 1995”, com a participação de Dreyhan e Klyn, no ano de 2015.

Mas, sinceramente, não importa a verdadeira “origem” do trap no Brasil. O que realmente conta é que, nos últimos anos, esse gênero estourou no país e nós é que ganhamos com a quantidade de trappers talentosos que tem surgido!

Trap e Rap: entenda as diferenças

Já sei… Eu ainda não te expliquei as diferenças entre o trap e o rap, não é? Mas não se preocupe, pois vou fazer isso agora mesmo para você não confundir mais os dois estilos.

Basicamente, o rap é uma mistura entre um ritmo e as rimas poéticas. Isso quer dizer que as rimas e melodias se encaixam, o que pode acontecer de forma mais cadenciada ou rápida.

Já o trap, por sua vez, é muito mais agitado. Como explicou o trapper Matuê, no programa SóTocaTop , da Rede Globo, o trap é uma atualização do rap, uma vez que incorporou mais musicalidade. Além disso, esse estilo conta com muitos recursos eletrônicos, o que o torna bem diferente do rap.

Com relação às letras, essas são bem parecidas entre ambos os estilos, pois retratam questões sociais inerentes à realidade periférica. No entanto, é comum encontrar no trap a mistura de vários assuntos ao mesmo tempo, enquanto no rap isso não ocorre.

Mas eu preciso dizer que, independentemente das diferenças, ambos são gêneros igualmente importantes para nossa cultura e para dar voz aos problemas sociais que por muitas vezes são esquecidos.  

Conheça os principais nomes do Trap

Bom, agora que você sabe bem o que é trap e consegue diferenciá-lo do rap, eu resolvi trazer uma listinha com os principais nomes desse estilo no cenário nacional e internacional. Quer ver?

Trap Internacional

Na cena internacional, temos incríveis trappers, sendo alguns dos principais nomes:

  • Travis Scott
  • Lil Peep
  • Future
  • Migos
  • Cardi B

Trap Nacional

Saiba que o trap nacional não fica para trás quando o assunto são artistas sensacionais. Assim, dentre alguns dos principais nomes temos:

  • Raffa Moreira
  • Matuê
  • Sidoka
  • MC Igu
  • MC Taya

Ouça os maiores sucessos do Trap

Se você não conhece alguma cantora ou cantor que eu citei anteriormente, então vai descobrir motivos de sobra para querer saber tudo sobre cada um deles!

Travis Scott

Travis Scott é um cantor norte-americano e um dos maiores nomes do trap. Não por acaso, ele é um dos artistas mais bem pagos do mundo.

Por ter começado a sua carreira como produtor musical, Travis conseguiu contribuir muito para o desenvolvimento e popularização do trap.

O seu álbum Rodeo, lançado em 2015, conta com a participação de grandes nomes da música e do trap, como Future, Juicy J e Kanye West, e foi uma das obras que mais contribuiu para a ascensão desse estilo musical.

Como eu sou muito legal, eu selecionei esse álbum incrível para você curtir no meu aplicativo.

Lil Peep

trap lil peep

Lil Peep é um outro importante nome no cenário do trap, conhecido, principalmente, por ter misturado esse estilo com elementos emo e punk. Mas, infelizmente, essa estrela nos deixou precocemente, aos 21 anos.

No entanto, apesar de seu falecimento em 2017, sua obra ainda continua por aí, contribuindo consideravelmente para o engrandecimento desse ritmo musical. 

Em homenagem a ele, que tal ouvir uma playlist 100% Lil Peep na minha plataforma?

Matuê

Agora eu vou trazer o Matuê para você! Esse é um grande artista brasileiro do gênero, que, inclusive, já esteve em programas televisivos, como o SóTocaTop, que eu mencionei anteriormente.

O garoto de apenas 28 anos, nascido no Ceará, é um sucesso por onde passa e chegou para mostrar que o Nordeste também é terra do trap.

A música que o colocou no cenário nacional é “Anos de Luz”, lançada em 2017. Mas depois disso, já vieram muitos outros hits.

Confira vários deles na minha playlist 100% Matuê!

Futuro

O Future é um dos maiores expoentes da música trap no cenário mundial. E não poderia ser diferente! Afinal, o artista é nascido em Atlanta, o berço desse gênero musical.

Além da parceria com Travis Scott, que eu te contei, o Future também já gravou com outros grandes artistas, como Rihana, Drake e Ariana Grande.

Um fato que vale muito a pena destacar e que mostra a grandiosidade desse trapper, é que ele é, além de cantor, CEO da gravadora Freebandz. Muito chique, não é?

Agora dá só uma olhadinha na playlist 100% Future que eu separei para você.  

Sidoka

trap sidoka

Sidoka é mais um artista brasileiro que tem causado por aí. O mineirinho saiu da periferia de Belo Horizonte para ganhar o mundo!

Em 2019, ele se apresentou na primeira edição do Festival Cena, que reuniu o melhor do trap na capital paulista.

Mesmo sendo um dos maiores trappers do Brasil e tendo alcançado grandes feitos, Sidoka não deixa as suas origens. Por isso mesmo, ele não abre mão do seu jeito de falar e nem das suas gírias.

Na playlist 100% Sidoka, você encontra 50 músicas do cantor. Posso garantir que são todas um sucesso!

Migos

O Migos é um grupo norte-americano formado por três primos: Quavo, Offset e Takeoff. Na realidade, eles dispensam apresentações pela qualidade do som que fazem desde 2008.

Assim, o trap é muito marcante nas músicas desse grupo por meio do ritmo dançante, dos arranjos instrumentais e das gírias que eles utilizam.

O trio lançou a última parte da série Culture este ano: o Culture III. Os álbuns anteriores (Culture e Culture II) haviam sido lançados em 2017 e 2018, respectivamente.

Então, venha conferir o último álbum do Migos, que está fresquinho e cheio de músicas boas!

Raffa Moreira

Como eu já te contei, Raffa Moreira é um dos pioneiros do trap no Brasil. Só por aí dá para sentir a força e importância que esse homem tem no cenário artístico.

Nascido em Guarulhos, o trapper, que também é conhecido como Lil Raff, não hesita em retratar a realidade da periferia de São Paulo. Por isso, boa parte de suas letras retratam a desigualdade social e o racismo.

Mas, antes de chegar a esse gênero musical, Raffa teve uma banda hardcore e fez parte da formação do grupo de pagode Os Travessos. Hoje, no entanto, ele fortalece o movimento trap.

Um dos últimos singles lançados por Lil Raff foi “Golpe”, que contou com a participação de Jay Kay. Que tal ouvi-lo agora?

Cardi B

Quem disse que não temos mulheres no trap? Não só temos, como estamos muito bem representadas por elas. Um exemplo disso é Cardi B.

A norte-americana foi reconhecida pela Forbes como uma das rappers mais influentes de todos os tempos.

Além disso, ela se tornou simplesmente a primeira rapper mulher a chegar ao topo das paradas, desde 1998, com a música “Bodak Yellow”.

A artista também é uma grande expoente na música trap, principalmente em razão de suas letras bem sinceras e fortes, além de ser muito querida pelos brasileiros por sua essência bem latina. 

Acho que esse é um bom momento para relembrar e ouvir “Bodak Yellow”, você não acha?

MC Taya

No Brasil, também temos mulheres poderosas, grandes e com muita representatividade no trap, e uma delas é MC Taya.

Nascida no subúrbio carioca, a cantora lançou o seu primeiro single em 2019: “Preta Patrícia”. A música se tornou simplesmente uma referência para muitas mulheres.

Assim, suas composições costumam falar sobre suas crenças e experiências, o que tem contribuído para a identificação e o reconhecimento de muitas outras meninas.

Então, ouça, na minha plataforma, a música que lanç MC Taya para o Brasil.

MC Igu

Vou finalizar a lista dos maiores sucessos do trap com mais um grande nome no cenário nacional: Igor Kuwahara, artisticamente conhecido como MC Igu.

Nascido no Japão, MC Igu veio ainda criança Brasil, onde criou raízes. Apesar de ter passado pelo funk, o cantor se encontrou mesmo no trap, onde tem produzido trabalhos incríveis.

Seu maior parceiro na música é Yunk Vino, com quem já produziu vários singles, como “Margiela”, “LA” e “190”.

Confira outras músicas desse artista na playlist 100% MC Igu que eu disponibilizei para você!

Confira as principais playlists de Trap

Gostou do trap? Então saiba que na minha plataforma você encontra playlists prontas e atualizadas constantemente com as melhores novidades desse gênero.  

Por isso, como eu sei que você está a fim de ouvir mais esse estilo musical, eu separei as três principais playlists para você escutar hoje à noite ou nesse final de semana, sozinho ou com seus amigos. Olha só!

Trapzera

Na playlist Trapzera, você vai encontrar o que há de melhor no trap nacional. São 50 faixas, todas absurdamente incríveis!

Beat Trap

Essa playlist é para quem gosta de ouvir funk, rap e trap e não aceita perder um hit lançados esses gêneros. 

Brisa Trap

Brisa Trap é mais uma playlist com diferentes nacionais desse estilo. Nela, você vai encontrar Matuê, Sidoka e muitos outros artistas consagrados.

Descubra mais artistas de Trap na Deezer

Quer curtir mais um pouco desse estilo musical? Então descubra outros artistas, músicas, álbuns e playlists na minha plataforma. Ela conta com a melhor curadoria de música trap que você já viu!

Portanto, entre já no meu aplicativo para ficar por dentro de tudo o que acontece no mundo do trap!

SE TE FALTAM KEYWORD, “DIZ COM DEEZER”

Related Posts

marina sena
Posted by deezer | 18 janeiro 2022
Marina Sena é o nome que entrou recentemente para a nova geração da música pop brasileira. A cantora de voz...
TWICE
Posted by deezer | 18 janeiro 2022
Falar em grupo feminino coreano é falar de Twice! As nove integrantes foram unidas pela JYP Entertainment em 2015 e...
afrobeat
Posted by deezer | 14 janeiro 2022
O Afrobeat vai além dos ritmos africanos, conseguindo unir a arte à luta social e política enquanto acompanha a história...